As principais Demonstrações Financeiras das Empresas

Actualizado em

As demonstrações financeiras

Apresentam um grau elevado de importância para os principais interessados na informação financeira (accionistas, sócios, investidores, clientes, fornecedores, funcionários, instituições bancárias, o próprio estado, entre outros) é através destas que é possível obter informação sobre as actividades desenvolvidas nas empresas.

Actualmente o sistema utilizado em Portugal  desde 2009 pela aplicação do SNC – Sistema de Normalização Contabilística, obriga as empresas a terem a informação financeira espelhada em 3 demonstrações financeiras:

O Balanço,

é a demonstração financeira que apresenta o valor patrimonial da empresa em determinado momento. Digamos que é uma “fotografia” à empresa, onde é possível quantificar os activos (bens e direitos) e os passivos (dívidas e obrigações).

As empresas estão obrigadas a apresentar o Balanço Final do exercício económico a 31 de Dezembro de cada ano. Nesta data apuram-se as variações ocorridas no património das empresas, comparando o Balanço inicial e o Balanço final de exercício, que resultará em aumento de património via lucro, ou diminuição de património via prejuízo.

Demonstração de Resultados,

é a demonstração financeira apresentada num modelo que permite identificar as receitas e os gastos agrupados pela sua natureza que ocorreram durante um exercício económico (de 1 de Janeiro a 31 de Dezembro). A confrontação das receitas com os gastos permite o apuramento do resultado do exercício, o lucro ou prejuízo.

Anualmente existe a obrigação de as empresas enviarem electronicamente a informação empresarial simplificada (IES), que consiste no envio das demonstração financeiras e informação estatística a diversas entidades públicas.

Exemplo de Modelo da Demonstração dos Resultados por funções

RUBRICASNOTAS 20142013
Vendas e Serviços Prestados+ 175.000 € 115.000 €
Custo das Vendas e dos Serviços Prestados 108.000 € 74.000 €
RESULTADO BRUTO= 67.000 € 41.000 €
Outros Rendimentos+ – € – €
Gastos de Distribuição 35.000 € 25.000 €
Gastos Administrativos 13.200 € 12.000 €
Gastos de Investigação e Desenvolvimento 500 € – €
Outros Gastos 380 € – €
RESULTADO OPERACIONAL (antes de gastos de Financiamento e Impostos)= 17.920 € 4.000 €
Gastos de Financiamento (líquidos) 7.700 € 2.400 €
RESULTADOS ANTES de IMPOSTOS= 10.220 € 1.600 €
Imposto sobre o rendimento do período 2.555 € 400 €
RESULTADO LÍQUIDO do PERIODO= 7.665 € 1.200 €

O Anexo

ao Balanço e Demonstração de Resultados, relata de forma detalhada informações relevantes para a compreensão das ocorrências/variações e os princípios que foram utilizados para a preparação das contas do Balanço e da Demonstração de Resultados.

Na elaboração do presente artigo foi utilizada uma linguagem simples, e evitados termos técnicos e complexos que poderiam condicionar a percepção do tema para alguns leitores.

Se gostou do artigo, partilhe nas redes sociais utilizando os botões que vai encontrar mais abaixo e subscreva de forma grátis novos artigos. Em caso  de dúvidas coloque a sua questão nos comentários abaixo.

Encontra mais artigos sobre GESTÃO, NEGÓCIOS e CRIAÇÃO DE EMPRESAS no site.

Tire as suas dúvidas e partilhe nas redes sociais.